Tales de Mileto – Quem foi Tales de Mileto? Frases, Principais Ideias


A história é marcada por diversos personagens únicos e peculiares, tal como Tales de Mileto. O que acontece é que os dias de hoje não seriam os mesmos sem a passagem dessas figuras pela história.

Então, para saber um pouco mais sobre esse personagem, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre Tales de Mileto. Vamos lá?!

Quem foi Tales de Mileto?

Tales de Mileto foi um importante filósofo, engenheiro, matemático, astrônomo e homem de negócios. Ele viveu na Grécia Antiga e é considerado o primeiro filósofo ocidental do qual se tem notícia.

Tales possui ascendência fenícia e nasceu na antiga colônia grega chamada Mileto. Esse local ficava na Ásia Menor, que atualmente é a Turquia.


Seu nascimento ocorreu cerca de 623 a.C. e ele faleceu entre 546 a.C. e 548 a.C.. Não se sabe exatamente.

Desenho do rosto de Tales de Mileto

Vida e obras de Tales de Mileto

Tales é reconhecido como um dos sete sábios da Grécia Antiga. Mais do que isso, foi ele que fundou a Escola Jônica. Para ele, a água era a origem de todas as coisas. Embora seus seguidores discordassem a respeito da substância, também acreditava na existência de um princípio único para toda a natureza.

Dentre os discípulos de Tales de Mileto, há um que merece ser lembrado. Era Anaxímenes de Mileto que afirmava que a substância principal era o ar. Já Anaximandro de Mileto, outro discípulo, afirmava que os mundos eram infinitos e viviam em perpétua inter-relação.

No naturalismo ele apresentou o que pode ser considerado com os primeiros passos sobre os pensamentos Teórico-evolucionistas. Segundo ele “o mundo evoluiu da água por processos naturais”. O mais importante de tudo é ressaltar que esses pensamentos surgiram cerca de 2460 anos antes de Charles Darwin. Segundo ele, estava Empédocles de Agrigento, que afirmava que “sobrevive aquele que está melhor capacitado”.

O eclipse

Ele também foi um dos primeiros a conseguir explicar um eclipse solar. Fez isso através da constatação de que a lua é iluminada por esse astro. De acordo com Heródoto, Tales de Mileto já havia previsto esse acontecimento em 585 a.C.. Já segundo Aristóteles, esse feito é tão importante que marca o momento em que se inicia a filosofia.

Dessa forma, Tales de Mileto entra para a história como um iniciador da filosofia. Isso tudo se deve ao seu esforço em encontrar um princípio único para explicar o mundo. Segundo os filósofos, isso marca não somente o ideal da filosofia, como também um importante impulso para o desenvolvimento da mesma.

Como um ser curioso, que buscava a verdade da natureza, ele também desenvolveu algumas experiências com magnetismo. Até aquele momento, tudo o que existia era uma atração de objetos em ferro por um tipo de rocha meteórica que ficava na cidade de Magnésia.

Seu estudo sobre a cosmologia

Através da própria mitologia, os fenícios acreditavam que os elementos da natureza eram forças autônomas. Por isso, eles honravam o Sol, o Céu, a Terra, o Oceano, as Montanhas e etc. Esses elementos eram como deuses, seres elevados, conscientes e com sentimentos, desejos e vontades.

Todos esses deuses eram constituídos na fonte e também na essência de tudo aquilo que compõe o universo.

Tales de Mileto, por sua vez, foi  primeiro dos pensadores a mudar esse conceito. Ele fez isso observando com mais atenção os fenômenos da natureza.

Tales criou uma teoria especulativa cujo ponto de partida foi a observação da transformação constante de umas coisas em outras. Sua intuição básica afirmava que tudo é apenas uma só coisa fundamental, regida pelo mesmo princípio.

O lastimável é que nenhum dos registros de Tales de Mileto sobreviveu até os dias de hoje. As suas ideias puderam ser conhecidas hoje graças aos trabalhos de doxógrafos, tais como Simplício da Cilícia e Diógenes Laércio, e também de filósofos, como Aristóteles.

A ação investigativa de Tales para a descoberta de uma unidade é a representação de uma grande mudança. Essa mudança é a respeito do comportamento e da atitude do homem frente ao cosmo. Assim, abandonam-se as ideias religiosas e divinas, para obter um novo sentido para o universo.

Tales de Mileto e a geometria

Como também era matemático, Tales de Mileto possui um importante papel na geometria. Alguns fatos geométricos são atribuídos à ele, tais como:

  • Os ângulos da base de um triângulo isósceles são todos iguais
  • O teorema: se dois triângulos tem dois ângulos e um lado respectivamente iguais, então eles são iguais.
  • Todo diâmetro irá dividir um circulo em duas partes iguais
  • Ao unir qualquer ponto de uma circunferência com os extremos de um diâmetro AB, irá resultar em um triângulo retângulo.

Também foi Tales que usou o fato de que a soma dos ângulos de um triângulo é igual a dois ângulos retos. Ele ainda se destacou entre seus contemporâneos de que quando duas retas se cortam, os ângulos opostos ao vértice será iguais.

Principais frases de Tales de Mileto

Obras Tales de Mileto

Como não poderia ser diferentes, esse célebre filosofo deixou um grande legado. Com isso, existem também algumas frases  muito importantes, tais como:

  •  “Ajuda teu semelhante a levantar sua carga, mas não a carregues.”
  •  “Nunca faças o que te desagrada ver fazer a outros.”
  • “Espera de teu filho o que fizeste com teu pai.”
  •  “A esperança é o único bem comum a todos os homens; aqueles que nada mais têm – ainda a possuem.”
  • “Pega para ti o conselho que dás aos outros.”
  • “Nem sempre muitas palavras indicam muita sabedoria.”
  •  “Procure sempre uma ocupação; quando o tiver não pense em outra coisa além de procurar fazê-lo bem feito.”
  •  “A coisa de maior extensão no mundo é o universo, a mais rápida é o pensamento, a mais sábia é o tempo e a mais cara e agradável é realizar a vontade de Deus.”
  •  “O maior é o espaço porque dentro dele cabe tudo. O mais veloz é o intelecto porque passa através de tudo. A mais forte é a necessidade porque tudo domina. O mais sábio é o tempo porque tudo revela.”

Morte e últimos anos de vida

tales de Mileto faleceu entre 546 a.C. e 548 a.C.. Não se sabe exatamente a data. O local de sua morte é desconhecido.

Curiosidades

Como não poderia ser diferente, a existência de Tales de Mileto é cercada de curiosidades. Veja algumas curiosidades sobre ele:

  • Tales sugeriu que a essência do mundo é água. Anaxímenes afirmava que era feito de ar. Aristóteles, por sua vez, afirmava que “a fomentação de todas as coisas é umedecida e até o calor é originado do molhado”. Já Empédocles chegou mais além, dizendo que o mundo era originado de 4 pilares, que são terra, água, fogo e ar.
  • Um dos maiores feitos de Tales de Mileto foi prever o eclipse solar. Isso aconteceu em maio do ano de 585 a.C.
  • Quanto a previsão do eclípse, até os dias de hoje, não se sabe como ele conseguiu tal feito. A suspeita é de que ele descobriu um ciclo de movimentos feitos pela Lua e Sol de 18 anos.
  • É possível que Tales de Mileto, assim como Pitágoras, tenham aprendido os fundamentos da geometria em uma viagem pelo Egito.
  • Tales de Mileto é considerado um dos Sete Sábios da Grécia Antiga. Junto com ele estão figuras como Cleóbulo de Lindus, Bias de Priene, Pítaco de Mitilene, Quílon de Esparta, Periandro de Corinto e Sólon de Atenas.
  • Segundo Aristóteles, Tales foi o primeiro filosofo da humanidade.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre tales de Mileto, sua vida, sua obra, seus efeitos, seus estudos e pensamentos, curiosidades e frases importantes. Aproveite!